terça-feira, 7 de julho de 2009

Quando nosso coração bate mais forte por alguém...


Lancei a enquete com o titulo acima porque quero entender o que acontece na cabeça das pessoas, quando o coração bate mais forte por alguém...
Em função de que complicamos tanto uma situação?
Que movimento é este dentro de nós?
Adoramos citar Vinicius de Moraes, Clarice Linspector, Mário Quintana, Raul Seixas, eeeeee??? Quer dizer que lá no fundo temos uma enorme vontade de expressar o que sentimos mas nos falta coragem?
A resposta da enquete que lancei, trouxe 47% dos votos a favor de deixar fluir.. ir descobrindo devagar o que acontece dentro de nós e com o outro. Até aqui tudo bem..... somos complicadinhos mesmo e além de nossos sentimentos precisamos lidar com mais esse...
Mas o que não dá para "engolir" é que 29% das pessoas que participaram, acreditam que tem que ficar ESPERANDO o movimento do outro como se fosse UM JOGO e 11% acreditam que é tudo muito incerto, tem medo de levar um fora e prefere esperar "algo mais". Ou seja, 40% dos participantes não arriscam, ou se arriscam preferem JOGAR, desconsiderando que quando existe um jogo alguém ganha e alguém perde...
Apenas 13% dos participantes curtem a vida como deve ser... e se dividem entre as opiniões do Beijo roubado, falar logo de uma vez o que está sentindo e declarar para curtir este movimento.
Como Conselheira e uma imediatista nata, eu penso que a vida é curta demais para segurar emoções fortes e lindas como sentir algo por alguém e ficar "disfarçando" ou "observando" por receio de recusas.. o não você já tem!
Meu voto iria para Declarar o que sinto e Beijo roubado.. quer coisa mais gostosa que um beijo roubado???
Principalmente quando roubam teu beijo??!!!
Somos seres muito antigos, almas com milhares de anos e quando nosso coração bate mais forte por alguém, reencontramos alguém que teve um significado em algum momento de nossa linha do tempo. Aí a saudade bate e você sente dentro de você um sentimento forte, uma vontade de abraçar.. um frio na barriga... é a energia do reencontro.. Então vai lá!!!!
Se na nossa educação, tívessemos recebido o comando de arriscar e ir lá beijar e abraçar forte a pessoa que identificamos assim como é proibido fazer pum em público, seria contra suas regras pessoais não conhecer, beijar e viver intensamente o momento, concorda?
Você deixa de fazer um pum em público???
Então arrisque.. diga o que você sente.. não tenha receio do que o outro possa fazer ou interpretar.. tenha receio do que você pode gerar de negativo para você se não falar ou se posicionar sobre este sentimento.
No dia seguinte esta pessoa pode não estar mais com você, no planeta..
No dia seguinte esta pessoa pode sair de fininho e você nem perceber que perdeu alguém que você de fato admira, respeita, confia, sente cumplicidade... opa!.. ja falamos sobre isso.. isso é que é amor de verdade!... então que energia é essa??! que voce tem que esconder e perder tempo em não se posicionar??? Pense nisso e escolha arriscar!
Madame Sadala!


Um comentário:

  1. Nossa Chris....esse text....
    Queria só ter mais um pouco de coragem.....mas já me mostei tanto que realmente não sei se é o caso de seguir o conselho desse texto...

    Caroline Brito

    ResponderExcluir